T.1 EP.3 – “ARTES DIGITAIS” | COMO SERIA O MUNDO SEM?

Definir arte digital é quase tão desafiador quanto definir a arte em geral. Ao longo da história, artistas utilizaram diversas técnicas disponíveis para expressar sua visão de mundo. E com a invenção de novas tecnologias, uma gama imensa de possibilidades e ferramentas se abriu ao universo artístico.

É interessante observar que um(a) artista nunca é apenas a técnica que utiliza em suas obras. Músicos podem desejar tirar sons de objetos diversos; pintores talvez queiram agregar elementos que contribuam para a comunicação da obra, além da tinta… E artistas digitais agregam tecnologia na criação de seus trabalhos, sem deixar de caminhar por outras ferramentas.

Trazemos no 3º episódio desta primeira temporada de “Como seria o mundo sem?”, Kalina Juzwiak ou simplesmente kaju, como se auto denomina. Arquiteta e artista plástica, compartilhou conosco sua visão de mundo a respeito das artes digitais.

kaju.

Desde criança, kaju já se expressava sobre o papel, externalizando tudo aquilo que estava dentro dela e que, por ser muito tímida, não conseguia expressar em palavras. Ao crescer, ela pediu aos pais para explorar outro espaço que, mais para frente, se tornaria seu principal objeto de trabalho: a parede de seu quarto.

Formou-se em arquitetura, curso que diz tê-la ajudado a se enxergar artista:

Durante o curso de Arquitetura e Urbanismo, ao utilizar o aprendizado em ilustrações de perspectiva – e doodles durante aulas teóricas, fui incentivada por amigos a abrir as tais gavetas [artísticas].

 

A arquitetura continua, de fato, presente nas criações de kaju. Ela conta que amava a possibilidade de criar espaços onde as pessoas pudessem sentir, presenciar e se conectar; relações que a arte é capaz de construir com a sociedade.

Começou sua transição para a área artística em 2012, enquanto ainda mantinha um escritório de arquitetura. Decidiu ir para a Suíça – país de origem de seus antepassados – em busca de descobertas sobre essa nova vivência artística. Voltou ao Brasil decidida e cursou design gráfico na Panamericana – tendo concluído a formação em 2015.

É uma criativa focada e produtiva, ao unir sua imaginação pró-ativa, disciplina e determinação. Aliás, kaju acredita que não é preciso seguir o esterótipo do ‘artista bicho grilo’ para criar um trabalho de qualidade.

Sou o oposto disso e realmente acredito que a disciplina é uma ferramenta para impulsionar a criatividade e mais do que isso – a entrega de um trabalho criativo com consistência e propósito.

Assim, com personalidade cativante e grande sensibilidade artística para conectar diversas linguagens, kaju nos mostra como a arte pode ser acessível e profundamente inspiradora.

Conheça mais sobre a artista através dos links abaixo.

Acesse o site oficial: kaju.ink
Instagram: @bykaju

E para você, como seria o mundo sem artes digitais? Conta pra gente aí nos comentários.

 

 

 

 

 


Saiba mais sobre este projeto inédito do On•Z

‘Como seria o mundo sem?’ é uma série documental sobre as onze artes mais presentes na atualidade.

O On•Z e a Weedoo Studio of Arts and Films desenvolveram este projeto, que conta com a participação de artistas de várias nacionalidades, para que possamos entender a importância das artes, não só no Brasil mas no mundo todo. Esta série nasce com a intenção de nos fazer refletir sobre a influência causada por cada uma das artes, tanto no desenvolvimento da humanidade ao longo dos tempos e seu impacto na vida de cada ser humano, como na transformação do mundo e da sociedade como um todo, deixando a pergunta no ar para que cada um tente responder individualmente: “COMO SERIA O MUNDO SEM?” [as artes].

Produtor, Ator e Diretor (nem sempre nesta ordem). Carinho especial pela arte da gastronomia. :)

Posts relacionados